Procedimentos

ATM

O que é a ATM?

ATM significa Articulação Têmporo-Mandibular, a junta que articula os maxilares entre si. É responsável por promover a mastigação, auxiliar a articulação das palavras e a respiração.

O que é a disfunção da ATM?

Disfunções da ATM apresentam muitos sinais e sintomas. Alguns dos sintomas mais comuns são:

 

 

  • Dores de cabeça, dores de ouvido, dor e pressão atrás dos olhos;
  • Um "clique" ou sensação de desencaixe ao abrir ou fechar a boca;
  • Dor ao bocejar, ao abrir muito a boca ou ao mastigar;
  • Maxilares que "ficam presos", travam ou saem do lugar;
  • Uma brusca mudança no modo em que os dentes superiores e inferiores se encaixam;
  • Tontura, labirintite, zumbido, pressão nos ouvidos e sensação de audição ruim.

Como é feito o tratamento da disfunção da ATM?

O principal é o diagnóstico correto. Após isso, vários tratamentos podem ser empregados, dentre eles:

  • Medicamentos – analgésicos, antiinflamatórios, relaxantes musculares, anti-depressivos;
  • Fisioterapia – calor, gelo, imobilização, exercícios de alongamento e fortalecimento;
  • Ortodontia – aparelhos fixos e móveis, placa oclusal;
  • Aplicação de toxina botulínica;
  • Psicoterapia e terapia do comportamento;
  • Cirurgia.

Quais são os principais objetivos da Cirurgia da ATM?

A cirurgia basicamente busca corrigir as alterações anatômicas da ATM. Essas alterações podem ocorrer em virtude de traumas, doenças reumatológicas, bruxismo, má-oclusão, infecções, entre outras causas.
As principais alterações passíveis de tratamento cirúrgico são:

  • Travamentos (luxações) repetidas da ATM;
  • Luxação do disco articular;
  • Dor severa e localizada na ATM;
  • Artrose e reumatismo que dificultam a abertura da boca e seu funcionamento.

Para quem está indicada a Cirurgia da ATM?

O tratamento cirúrgico da ATM exige indicação precisa. Pode ser realizado quando houver alteração anatômica irreversível das estruturas da ATM, e quando não se consegue obter bons resultados com os outros tratamentos.

Como é realizada a cirurgia?

A cirurgia é realizada através de cortes na frente da orelha, semelhantes a usada para a correção de rugas da face. Em seguida, com uma micro-serra são realizadas osteotomias (cortes) nos ossos que estão causando travamentos ou dores. Depois são colocadas mini-âncoras que vão prender o disco articular em cima da cabeça da mandíbula para que não haja contato entre os ossos, prevenindo dor e artrose.

Quais são os possíveis riscos e complicações?

É considerada uma cirurgia de baixo risco. Hematomas são comuns e raramente necessitam drenagem. A complicação mais temida é paralisia do nervo da mímica da face, mas felizmente é extremamente rara.

Quais são os cuidados no pós-operatório?

O paciente recebe alta no mesmo dia. Por ser uma cirurgia de articulação, ocorre um inchaço e uma dificuldade para movimentação dos maxilares, porém com 15 dias normalmente o paciente retorna as suas atividades habituais.
Os pontos são retirados com 10 a 15 dias. Recomenda-se alimentação líquida e pastosa, durante, aproximadamente 45 dias.

Palavras do Dr. Lucas sobre sua filosofia para a Cirurgia da ATM.

A ATM é uma das articulações mais complexas do corpo humano. Sua anatomia e funcionamento são muito peculiares. Além disso, o stress e as alterações psicológicas podem levar a lesões desatas articulações, dificultando o tratamento.
Para um correto tratamento das disfunções da ATM, precisamos fazer um diagnóstico preciso da alteração anatômica e também das causas que levaram a isso (trauma, infecção, bruxismo, stress, entre outros).
A grande maioria dos problemas da ATM é resolvida sem cirurgia, com medicamento, psicoterapia, fisioterapia e ortodontia. Nos casos raros em que não há resposta, a cirurgia tem papel importante, pois alivia os sintomas e previne complicações graves no futuro (artrose, especialmente). Em alguns casos, adiar a cirurgia pode ser maléfico. O ideal é fazer um diagnóstico e um tratamento direcionado para cada paciente, para assim termos pacientes e médicos satisfeitos.